Ainda mais desportiva, esta versão conta com 640 cv debitados de um motor 6.2 V8. Será apresentada na próxima semana em Nova Iorque.

Depois de apresentar a sexta geração do Camaro, a Chevrolet vai mais longe com este ZL1. O novo Camaro ZL1, que será exibido em primeira mão de hoje a oito dias no Salão de Nova Iorque, nos EUA, tem 640 cv (mais 60 cv que antes) e 868 Nm de binário máximo com origem num motor V8 6.2 LT4 supercharged, podendo funcionar em conjunto com uma caixa manual de seis velocidades ou automática de 10 relações. Além disso, tal como sucedia no modelo anterior, o novo ZL1, que deverá estar à venda perto do final do ano, distingue-se por um kit aerodinâmico mais agressivo, com uma nova grelha, lábio dianteiro, novo capô com extrator de calor, além de vias dianteiras mais largas, saias laterais mais pronunciadas e uma imponente asa traseira. Por fim, tem jantes em alumínio forjado de 20 polegadas com pneus Goodyear Eagle F1 Supercar, desenvolvidos especialmente para este modelo.

No interior, este ZL1 distingue-se pelos bancos desportivos Recaro, volante de fundo plano, punho da caixa com acabamento em camurça, pespontos vermelhos e logótipos específicos desta edição.

O Camaro ZL1 surge equipado com suspensão Magnetic Ride, travões Brembo, diferencial autoblocante eletrónico, assim como um sistema Performance Traction Management, função launch control e seletor dos modos de condução.

Assine Já

Edição nº 1460
Já nas bancas

Digital Papel

Top

Os mais recentes